Dedetização Carrapatos

Dedetização Carrapatos Porto Alegre.

Dedetização Carrapatos Porto Alegre

Como Dedetizar Carrapatos – Duvidas Sobre Dedetização de Carrapatos 

Conte com a Empresa Líder Desde 1980 – Construsul Dedetizadora Porto Alegre, Dedetização Carrapatos Porto Alegre Zona Sul, Dedetização Carrapatos Porto Alegre Zona Norte.

Central de Chamado: 3094.2083 – Email: construsulportoalegre@hotmail.com


Dedetizadora Porto Alegre


Dedetização Carrapatos Porto Alegre 24 Horas

Construsul Dedetizadora Porto Alegre

Esses artrópodes são extremamente numerosos e encontrados nos mais variados habitats. Possuem segmentos fundidos, sem asas e antenas, e números de patas que variam de 3 pares (larva) a 4 pares (adulto). No grupo dos acarinos, encontram-se os carrapatos e os ácaros.

Filo: Arthropoda

Classe: Arachnida

Ordem: Acarina


Dedetização Carrapatos – Descrição e Biologia

Os carrapatos são ectoparasitas de animais domésticos, silvestres e do homem. Atualmente, são conhecidas cerca de 800 espécies em todo o mundo parasitando mamíferos, aves, répteis ou anfíbios. São considerados importantes por atuarem como vetores de microrganismos patogênicos incluindo bactérias, protozoários e vírus e pelos danos diretos ou indiretos causados em decorrência do seu parasitismo.

São classificados em duas Famílias: Ixodidae e Argasidae. Os ixodídeos, frequentemente denominados “carrapatos duros”, apresentam um escudo rígido, quitinoso, que cobre toda a face dorsal do macho adulto. Na larva, ninfa e fêmea adulta, estende-se apenas em uma pequena área, permitindo a dilatação do abdome após a alimentação.

Todos os estágios fixam-se em seus hospedeiros por um tempo relativamente longo para alimentar-se. Neste grupo estão incluídos a maioria dos carrapatos de interesse médico-veterinário. Os argasídeos, também conhecidos como “carrapatos moles”, recebem esta denominação porque não possuem escudo. Nesta família estão os carrapatos de aves e os “carrapatos de cão”.


Dedetização Carrapatos – Ciclo de Vida

Família Ixodidae: Após o acasalamento, as fêmeas ingurgitam, desprendem-se do hospedeiro, e procuram locais no solo dando início à fase de vida livre do ciclo biológico. A duração deste período dentro de cada espécie depende da temperatura, podendo se alongar quando essas se tornam baixas. A quantidade de ovos postos por fêmea, dentro de cada grupo de carrapato, está relacionada com seu respectivo peso.

As larvas, ao saírem do ovo, já possuem um aspecto semelhante ao do carrapato adulto. Apresentam três pares de pernas e são sexualmente imaturas. As larvas permanecem inativas na vegetação do solo por vários dias enquanto sua cutícula endurece e então quando estão aptas a infestar os animais, iniciam o processo de subida e descida em direção ao ápice das plantas ao redor do local onde nasceram.

Família Argasidae: Os adultos acasalam-se fora do hospedeiro e a fêmea realiza postura após cada repasto sanguíneo. O ciclo de vida compreende ovo, larva, ninfas (vários estágios) e adultos. A maioria das espécies, ninfas e adultos alimenta-se muito rapidamente (cerca de 30 a 40 minutos), enquanto as larvas fixam-se em seus hospedeiros por aproximadamente 7 a 10 dias. Antes de cada muda ocorre um repasto sanguíneo, salvo raras exceções em que podem ocorrer duas refeições antes da ecdise.


Dedetização Carrapatos – Principais Espécies e Danos Causados

Os danos causados aos animais são determinados pela perda de sangue e transmissão de doenças; no homem os carrapatos provocam incômodo, dermatites e lesões decorrentes das picadas e, principalmente, são vetores de patógenos, como vírus e bactérias, ocasionando:

Dermatoses – inflamação, prurido, edema e ulceração no local da picada;
Perda de sangue – condição séria com desenvolvimento de anemia nos animais fortemente infestados;
Otocaríase – infestação do canal auditivo pelos carrapatos, com possíveis infecções secundárias;
Toxemia e Paralisias – causadas pela inoculação de saliva tóxica nos vertebrados;
Infecções – transmitidas por carrapatos, incluindo babesioses, riquetsioses, borrelioses, bacterioses, viroses, etc.

Família Ixodidae: A maioria das espécies deste grupo de carrapatos são silvestres e habitam florestas e pastagens, parasitando várias espécies de animais hospedeiros. O desenvolvimento se completa em duas fases: uma parasitária que ocorre sobre o hospedeiro e outra de vida livre, no solo, após abandonar seu hospedeiro.


Dedetização Carrapatos – Prevenção

Para as pessoas que vão a áreas infestadas:

Usar roupas claras facilitando a visualização dos carrapatos em suas roupas. Um bom artifício para remover os carrapatos das roupas é apanhá-los com um pedaço de fita adesiva;

Usar camisetas com mangas compridas e colocar as meias ou as botas sobre as barras da calça; Usar chapéu
Usar luvas ao cuidar de jardins. Para os Animais:

Mantenha os animais de estimação dentro de casa sempre que possível e regularmente procure por carrapatos nos que saem de casa; Cuide de seus animais com produtos contra carrapatos ou repelentes. Alguns tratamentos contra pulgas também funcionam contra carrapatos; Limpe muito bem as casas dos cães, prestando atenção em fendas e rachaduras onde os carrapatos podem depositar seus ovos.


Dedetização Carrapatos – Método de Controle

São indicadas aplicações sistemáticas de carrapaticidas nos animais. Para tanto, existem as banheiras carrapaticidas de imersão, aspersão ou pulverização. No pasto é aconselhável o manejo integrado. Pastagens altas, ou de folhas largas, permitem o desenvolvimento e sobrevivência de carrapatos. A pulverização em pastos torna-se economicamente inviável, principalmente em grandes áreas.

Em áreas urbanas e/ou residenciais, recomenda-se a pulverização das áreas ou até polvilhamento, principalmente nas frestas, repetindo a aplicação após 20 dias em temperaturas altas. Quanto aos animais domésticos, estes deverão receber aplicações de carrapaticidas indicados para cada espécie. Os animais deverão ficar fora da residência pelo prazo de 24 à 48 horas variando conforme animal ,ventilação do local e produto.

Recomenda-se ainda procurar um médico veterinário para indicação de um melhor tratamento para cada caso específico. A utilização do MIP é recomendada para melhores resultados.


Dedetizadora Porto Alegre

Dedetizadora Porto Alegre

Dedetizadora Porto Alegre


Construsul Dedetização Carrapatos Porto Alegre

Dedetização Carrapatos Porto Alegre

3094-2083 / 99802-4242

construsulportoalegre@hotmail.com


Dedetizadora Porto Alegre 24 Horas, Dedetizadora Porto Alegre Zona Sul, Dedetizadora Porto Alegre Zona Norte, Dedetização Porto Alegre 24 Horas, Dedetização Porto Alegre Zona Norte, Dedetização Porto Alegre Zona Sul, Dedetizadora 24 Horas, Dedetizadora Zona Sul, Dedetizadora Zona Norte, Dedetização 24 Horas, Dedetização Zona Norte, Dedetização Zona Sul, Dedetização Centro, Morcego, Barata de Esgoto, Barata Francesinha, Broca, Camundongo, Caramujo, Carrapato, Caruncho, Cupim de Solo, Cupim Madeira Seca, Escorpião, Formiga, Lacraia, Marimbondo, Morcego, Mosca de Banheiro, Mosca, Mosquito, Percevejo, Pombo, Pulga, Ratazana, Rato de Telhado, Traça, Dedetizadora Porto Alegre, Dedetização Porto Alegre, Desinsetizadora Porto Alegre, Desinsetização Porto Alegre, Desratizadora Porto Alegre, Desratização Porto Alegre, Descupinizadora Porto Alegre, Descupinização Porto Alegre, duvidas sobre dedetizaçãoo que fazer depois da dedetizaçãocomo funciona a dedetizaçãodedetização faz mal a saudededetização faça voce mesmoveneno para dedetizaçãocomo fazer dedetizaçãocomo dedetizarveneno para dedetizarproduto para dedetizar residenciadedetização faça voce mesmo


www.desentupimentoportoalegrezonanorte.com

www.desentupimentoportoalegrezonasul.com

Dedetização Carrapatos